Logo

Oncologia

3 minutos de leitura

Carcinoma de células escamosas da pele: entenda o que é, causas e sintomas

Surgimento de manchas, pintas e verrugas pode indicar câncer de pele
JO
Dra. Juliana Ominelli - Oncologista - MédicaAtualizado em 12/01/2024
Carcinoma de células escamosas da pele: entenda o que é, causas e sintomas

Dados recentes do Instituto Nacional de Câncer (INCA) estimam que para cada ano do triênio 2023-2025, o Brasil registrará 704 mil novos casos de câncer, principalmente entre as regiões Sul e Sudeste. Ainda segundo a publicação, o câncer de pele tende a se manter como o tumor maligno mais frequente entre os brasileiros.

No último mês do ano, além das festas, temos o início do verão, época em que todo mundo quer garantir o bronzeado ou apenas se refrescar em praias, piscinas e cachoeiras. Por isso, a campanha Dezembro Laranja alerta para os riscos da exposição solar sem proteção e leva informações sobre os tipos de câncer de pele e seus sintomas. Em apoio ao movimento, convidamos a Dra. Juliana Ominelli, oncologista clínica do Hospital São Lucas Copacabana, para explicar o que é o carcinoma de células escamosas da pele, segundo tipo mais comum de neoplasia da pele.

O que é carcinoma de células escamosas da pele?

O carcinoma de células escamosas da pele se desenvolve na epiderme, a camada mais superficial, e geralmente em regiões do corpo que são expostas ao sol mais frequentemente, como rosto, pescoço, braços e pernas.

Quais são as causas do carcinoma de células escamosas da pele?

As principais causas do carcinoma de células escamosas são exposição à luz solar e uso de câmaras de bronzeamento. Lesões na pele também funcionam como vetor para a doença, visto que ela pode se desenvolver a partir de queimaduras, feridas, cicatrizes e úlceras.

“São fatores de risco a radiação UV; doenças como xeroderma pigmentoso, epidermolise bolhosa e albinismo; imunossupressão e HPV", menciona a Dra. Juliana.

Qual a diferença entre melanoma e carcinoma?

A diferença entre carcinoma e melanoma está na origem de ambos. Enquanto os carcinomas têm origem nas células da pele, os melanomas surgem dos melanócitos, estruturas que produzem a melanina, pigmento que determina o tom da pele e tem a função de proteger o DNA dos efeitos da radiação solar.

Quais são os sintomas de carcinoma de células escamosas da pele?

Inicialmente, a pessoa pode levar um tempo para identificar os sinais do câncer, que costuma se apresentar como uma verruga ou pinta, por exemplo.

Conheça os sintomas mais comuns de carcinoma de células escamosas da pele:

  • Surgimento de mancha avermelhada ou marrom;
  • Pintas, manchas ou verrugas que aumentam de tamanho, podendo passar dos 6 milímetros;
  • Feridas que não cicatrizam.

Nestes casos, o paciente deve procurar um dermatologista para melhor avaliação.

Como é feito o diagnóstico?

Segundo a especialista, o primeiro passo para o diagnóstico do carcinoma de células escamosas de pele é a observação do paciente, seguida de consulta ao médico, pois a detecção precoce evita o agravamento do quadro.

“Sempre que há lesão suspeita, esta deve ser ressecada ou encaminhada para a biópsia a fim de analisar a presença de câncer", explica a médica.

Qual é o tratamento para carcinoma de células escamosas da pele?

Nos quadros em estágio inicial, geralmente as manchas/pintas/verrugas são pequenas e podem ser retiradas até mesmo no consultório. Segundo a Dra. Juliana, as lesões maiores precisam ser avaliadas por cirurgiões especializados e, caso o procedimento cirúrgico não seja viável, radioterapia e imunoterapia podem ser indicadas.

Oncologia: atendimento ambulatorial com conforto e segurança no coração do Rio de Janeiro A Oncologia do Centro Médico do Hospital São Lucas, na Gávea, foi pensada para proporcionar um lugar que reúna todos os serviços necessários para a linha de cuidado do paciente oncológico. Localizado no quinto andar do Shopping da Gávea, o espaço oferece consultas, exames e serviços dedicados ao diagnóstico e tratamento de diversos tipos de câncer de forma prática e segura.

O paciente é acompanhado por uma equipe multidisciplinar especializada, com oncologistas, hematologistas, enfermeiros, psicólogos, nutricionistas e fisioterapeutas, desde a sua primeira consulta. O foco está no atendimento humanizado, que coloca o paciente no centro da linha de cuidado e prioriza suas necessidades e expectativas em todos os estágios de diagnóstico, tratamento e reabilitação.

O Centro de Infusão, localizado no mesmo andar, dá suporte ao paciente que precisa de aplicação de medicamentos por via subcutânea, intravenosa e intramuscular. Com boxes individuais e espaço para acompanhantes, o local oferece um ambiente tranquilo durante o tratamento. O atendimento é conduzido de forma personalizada, de acordo com as necessidades de cada paciente.

Para marcar uma consulta ou saber mais sobre a Oncologia do Centro Médico do Hospital São Lucas, no Shopping da Gávea, consulte nossos canais de atendimento.

Agendar Consulta

Escrito por
JO

Dra. Juliana Ominelli

Oncologista | Médica

Artigos Relacionados

Câncer na vagina: entenda o que é, quais são os sintomas e como é feito o tratamento

Oncologia

4 min

Câncer na vagina: entenda o que é, quais são os sintomas e como é feito o tratamento

Sangue nas fezes: causas, sintomas relacionados e o que pode indicar

Oncologia

4 min

Sangue nas fezes: causas, sintomas relacionados e o que pode indicar

Metástase no fígado: saiba quais são as causas e os possíveis tratamentos

Oncologia

3 min

Metástase no fígado: saiba quais são as causas e os possíveis tratamentos

Tumores malignos na mama, na próstata e no pulmão podem atingir o fígado, em um processo chamado metástase
Quais são os desafios do combate ao câncer no Brasil

Oncologia

2 min

Quais são os desafios do combate ao câncer no Brasil?

Tratamento tardio e envelhecimento da população são alguns obstáculos
Ver mais artigos
Escrito por
JO

Dra. Juliana Ominelli

Oncologista | Médica